30 Dias para o Sucesso

No meu trabalho na ONU e em diferentes organizações, notei um padrão que é inclusive usado em negociação estratégica.

Quando você deseja uma mudança permanente, a melhor forma de conseguir a aprovação dos demais envolvidos na negociação é dizer “vamos apenas experimentar, em caráter temporário”.

E não é raro que o experimento temporário acabe sendo prorrogado muitas vezes, com pequenas variações. Essa idéia de apenas fazer um pequeno teste é uma forma como Steve Pavlina apresenta para grandes transformações no texto 30 Days for Success, cuja tradução livre segue abaixo com comentários.

 meal

30 Dias para o sucesso

Um recurso de desenvolvimento pessoal bem poderoso é o teste de 30 dias. Acabei emprestando esse conceito da indústria de shareware, onde podemos fazer o download de uma versão de teste de um software e testar por 30 dias sem compromissos antes de ser necessário comprar a versão completa. Essa é uma ótima maneira de desenvolver novos hábitos e é super simples.

Vamos supor que você deseje criar um novo hábito como um programa de ginástica ou largar um hábito velho como fumar. Todos sabemos que começar e se manter na linha por algumas semanas é a parte mais difícil. Uma vez que passamos pela inércia, é muito mais simples tocar adiante.

Porém, muitas vezes a gente acaba desistindo sequer mesmo de começar ao ficar pensando nessa mudança como algo permanente: antes mesmo de começar. Parece que é demasiadamente intenso ficar pensando nisso como uma grande mudança e ficar preso a essa nova mudança quando ainda temos o hábito de fazer o oposto. Quanto mais a gnete pensa em mudanças como algo permanente, mais vamos ficar reticentes.

Mas e se pensamos em fazer a mudança de forma temporária, digamos por 30 dias, e então ficar livres para voltar aos hábitos antigos? Daí não vai parecer que as coisas são tão difíceis. Faça ginástica diariamente por apenas 30 dias, e depois largue. Mantenha uma mesa organizada por 30 dias, e daí volte a ser bagunçado. Leia uma hora por dia durante 30 dias, e daí volte a assistir TV.

Será que você consegue? Mesmo assim é necessário bastante disciplina e comprometimento, mas nada tão intenso comparado com o desejo de instalar mudanças permanentes. Qualquer limitação é apenas temporária. Você até pode fazer uma contagem regressiva para sua liberdade. E por pelo menos 30 dias, vai receber o benefício. Nada mal. Você consegue. É apenas um mês de sua vida.

Agora, se você de fato completar o teste dos 30 dias, o que vai acontecer? Primeiro, você vai conseguir tocar adiante o suficiente para criar um hábito, e será mais fácil de manter do que comparado à dificuldade do começo. Em segundo lugar, você vai se livrar do vício do seu hábito antigo durante esse período. Em terceiro lugar, você terá 30 dias de sucesso no seu portfolio, de forma que sua confiança em poder continuar aumentará. E em quatro lugar você vai ganhar 30 dias de sucesso, que vão te dar feedback prático sobre o que você pode esperar se continuar, trazendo você em uma posição mais adequada para tomar decisões de longo prazo.

Portanto, quando você atinge o fim do seu teste de 30 dias, sua habilidade de fazer desse hábito algo permanente fica altamente maior. Mas mesmo quando você não está pronto para tornar isso algo permanente você pode optar por aumentar o seu prazo de teste para 60 ou 90 dias. Quanto mais tem você puder prosseguir com o período de teste, mais fácil será incorporar o novo hábito em sua vida.

Um outro benefício dessa abordagem é que você pode a utilizar para testar novos hábitos em que você não tem muita certeza se deseja fazer do hábito algo permanente. Talvez você tenha a vontade de testar uma nova dieta, mas não vai saber se ela é muito rigorosa. Nesse caso, faça um teste de 30 dias e então re-examine. Não tenha vergonha em parar se você sabe que o novo hábito não é adequado para você. É como experimentar um programa shareware por 30 dias e desinstalar se ele não servir para suas necessidades. Sem problemas.

Aqui vão alguns exemplos da minha própria vida em que usei testes de 30 dias para criar novos hábitos:

1) No verão de 1993, queria experimentar ser vegetariano. Não tinha interesse em fazer disso uma mudança para minha vida inteira, mas eu tinha lido bastante sobre os benefícios de saúde do vegetarianismo e assim me comprometi a fazer 30 dias de teste. Eu já estava me exercitando de forma regular, parecia estar em boa forma e não estava acima do peso, mas minha dieta de universitário tipicamente incluia um monte de hamburgers. Virar lacto-ovo vegetariano por 30 dias foi muito mais fácil do que eu imaginava. Não posso dizer que foi difícil e em momento algum me senti limitado. Dentro de uma semana notei um aumento em minha energia e concentração, e com mais clareza de idéias. No fim dos 30 dias, não foi necessário pensar muito. Decidi continuar. Essa mudança parecia muito mais difícil do que acabou sendo.

2) Em janeiro de 1997, decidi tentar me mudar de vegetariano para vegan. Se por um lado os lacto-ovo vegetarianos podem comer ovos e produtos lácteos, os vegans não comem nada que vem de animais. Eu estava desenvolvendo um interesse em me tornar vegan pra vida toda, mas não achava que poderia fazer isso. Como é que eu poderia largar os omeletes com vegetais e queijo? A dieta parecia muito limitada para mim, quase uma coisa de fanático. Mas eu estava muito curioso em saber como era. Assim, mais uma vez eu fiz um teste de 30 dias. Eu achava que conseguiria completar o teste, mas que talvez eu não quisesse ir além dos 30 dias. Bem, eu perdi uns três quilos na primeira semana, principalmente indo ao banheiro pois todo aquele muco dos produtos lácteos foi eliminado 9agora eu sei por que as vacas precisam de quatro estômagos para digerir tudo direito). Me senti fraco nos primeiros dias mas então minha energia aumentou. Também me senti com a mente mais clara do que nunca, como se uma “névoa mental” tivesse ido embora. Parecia que meu cérebro tinha recebido um upgrade de RAM e CPU. Porém a maior mudança que eu notei foi em minha resistência. Eu estava vivendo na Marina del Rey na época e costumava correr na praia do Pier de Santa Monica, e notei que eu não ficava tão cansado depois das minhas corridas de 5 km. E assim fui aumentando para 8 e 16 km e eventualmente uma maratona alguns anos depois. No Tae Kwon Do, a resistência me deu um aumento no meu sparring também. Os benefícios acumulados eram tão grandes que as comidas que eu estava deixando de comer nem pareciam mais muito atraentes. Então, mais uma vez, não precisei pensar duas vezes em continuar depois dos meus 30 dias, e até hoje eu sou vegan. O que eu não esperava era que depois de tanto tempo nessa dieta, os antigos produtos de origem animal que eu costumava comer nem parecem mais comida, de forma que eu não me sinto limitado.

3) Também em 1997, decidi que eu queria me exercitar todos os dias durante um ano. Essa foi a minha resolução de ano novo em 1997. Meu critério seria que eu me exercitaria de forma aeróbica pelo menos 25 minutos por dia, e eu não incluiria as minhas aulas de Tae Kwon Do que eu já estava fazendo duas a três vezes por semana. Junto com minhas mudanças de dieta, queria colocar minha boa forma em um padrão melhorado. Não queria deixar um único dia sem exercício, mesmo os dias de doença. Mas ficar pensando em fazer exercício 365 dias seguidos foi algo de dar cansaço só de pensar. E por isso eu mentalmente comecei com um teste de 30 dias. Não foi muito ruim. Depois de um pouco tempo cada dia que passava era um novo recorde: 8 dias seguidos, 10 dias, 15 dias… e foi ficando mais difícil de largar.  Depois de 30 dias seguidos, como é que eu não poderia fazer 31 e alcançar um novo recorde? E você consegue imaginar largar depois de 250 dias? De forma alguma. Depois do primeiro mês que criei o hábito, o resto do ano foi moleza. Me lembro de ir a um seminário nesse ano e chegar em casa depois da meia noite. Eu estava com um resfriado e estava bem cansado, mas mesmo assim fui correr às duas da madrugada na chuva. Algumas pessoas dizem que isso é uma burrice, mas eu estava tão determinado em alcançar meu objetivo que eu não deixaria o cansaço ou a doença me parar. Eu tive sucesso e continuei assim o ano inteiro sem deixar passar um único dia. Na verdade, eu continuei por algumas semanas em 1998 quando finalmente decidi parar, o que foi uma decisão difícil. Eu queria fazer isso por um ano, sabendo que seria uma poderosa experiência de referência futura, e acabou sendo.

4) Mais sobre dieta… Depois de ser vegan por alguns anos, tentei algumas variações da dieta vegan. Tentei por 30 dias tanto a dieta macrobiótica como a dieta de alimentos crus. Foram interessantes e me deram novas idéias, mas eu decidi não continuar com nenhuma delas. Não havia me sentido de forma diferente depois de comer macrobiótico do que me sentia antes. E no caso da dieta de alimentos crus, eu senti um aumento de energia bem significante. Mas exigia muito trabalho. Eu estava gastando muito tempo preparando comida e indo para as compras com muita frequência. Claro que é possível comer apenas frutas e vegatais crus, mas para fazer alimentos interessantes, existe muito trabalho envolvido. Se eu tivesse um cozinheiro particular, provavelmente estaria seguindo a dieta de alimentos crus pois acho que os benefícios realmente compensariam. Fiz uma segunda tentativa da dieta de crus por 45 dias, e novamente minha conclusão foi a mesma. Se descobrisse que eu tenho uma doença grave ou câncer, eu imediatamente mudaria pra comer apenas crus, já que acredito que é a melhor para uma saúde otimizada. Nunca tive tanta energia em minha vida do que na época em que comi crus. Mas foi muito difícil tornar isso prático. Mesmo assim, consegui incorporar algumas comidas macrobióticas e crus na minha dieta. Existem dois restaurantes de crus aqui em Vegas e eu gosto de comer ali pois existe outra pessoa que prepara tudo. Então, essas tentativas de 30 dias tiveram sucesso pois trouxeram novas conclusões, apesar de em ambos os casos eu ter propositalmente decidido continuar com o hábito antigo. Um dos motivos para um teste de 30 dias ser importante é que com as novas dietas passamos as primeiras semanas desintoxicando e superando desejos, de forma que é somente depois da terceira ou quarta semana que conseguimos entender com clareza o que está acontecendo. Acho que se você não tenta uma dieta por pelo menos 30 dias, você simplesmente não consegue entender. Cada dieta traz sensações muito diferentes do que transmitem numa primeira vista.

O método dos 30 dias parece funcionar melhor com hábitos diários. Não tive muita sorte aplicando em hábitos que apenas acontecem entre 3 a 4 vezes por semana. Porém, pode funcionar bem se você aplica diariamente por 30 dias e depois interrompe. Isso é o que eu faço quando inicio um novo programa de exercícios, por exemplo. Os hábitos diários são muito mais fáceis de serem implementados.

Aqui vão algumas idéias para aplicar os testes de 30 dias:

  • Ficar sem ver TV. Grave todos os seus programas e os guarde para o fim do teste. Minha família inteira fez isso uma vez, e foi algo bastante educativo.
  • Largar fóruns online, especialmente se você está sentindo que está ficando viciado em fóruns. Isso vai ajudar a você quebrar seu vício e ter um sentido mais claro de como a sua participação no final das contas contribui para seus resultados (se é que contribui para algo). Você sempre vai poder se atualizar sobre os acontecimentos dos 30 dias.
  • Tomar banho ou se barbear diariamente. Eu sei que você não precisa dessa dica, então por favor passe adiante pra pessoa que precisa.
  • Conhecer uma pessoa nova por dia. Inicie conversas com estranhos.
  • Sair todas as noites. Ir para um lugar diferente a cada vez, e fazer algo divertido. Esse será um mês memorável.
  • Listar algo novo no ebay todos os dias. Livre-se de tralhas.
  • Convidar uma pessoa nova para um encontro romântico a cada dia. A não ser que a sua taxa de sucesso seja abaixo de 3%, você vai conseguir pelo menos um novo encontro, quem sabe até mesmo conhecer alguém pra casar.
  • Se você já está em um relacionamento, dê uma massagem diária para a pessoa que ama. Ou ofereça a alternar quem é que ganha a massagem diária, de modo que são 15 massagens por pessoa.
  • Largue todos os cigarros, refrigerante, junk food, café ou outros hábitos ruins.
  • Passe a acordar mais cedo.
  • Escreva em seu diário todos os dias.
  • Ligue para um membro de sua família, amigo ou contato profissional a cada dia.
  • Faça 25 ligações comerciais a cada dia para propor novos negócios. O palestrante profissional Mike Ferry fez isso por cinco dias por semana durante dois anos, mesmo nos dias em que ele estava dando palestras. Ele atribui esse hábito ao fato de ter construido seu negócio ao ponto de ter mais de dez milhões de dólares por ano em vendas. Se você está fazendo 1300 ligações comerciais por ano, você conseguirá um belo negócio não importa quão ruim forem seus talentos comerciais. Você pode generalizar esse hábito para qualquer tipo de trabalho de marketing, como criar novos links para seu web site.
  • Escreva um blog post por dia.
  • Leia uma hora por dia em assunto que te interesse.
  • Medite diariamente.
  • Aprenda uma palavra nova por dia para aumentar seu vocabulário.
  • Faça uma caminhada diariamente.

De novo, não fique achando que você deve continuar qualquer desses hábitos por mais de 30 dias. Pense nos benefícios que você conquistará apenas nesses 30 dias. Você pode reavaliar depois do período de testes. É certeza que você vai crescer com a experiência, mesmo que de forma temporária.

O poder dessa abordagem repousa em sua simplicidade. Mesmo se fazer uma certa atividade a cada da possa ser menos eficiente do que seguir uma programação mais complicada – como no caso da musculação em que o descanso é um componente fundamental – você provavelmente conseguirá lidar melhor com o hábito diário. Quando você se compromete a fazer algo todos os dias sem exceção, você não tem como racionalizar ou justificar deixar de fazer naquele dia específico ou prometer que vai colocar as coisas em ordem mais tarde.

Dê uma chance aos testes. Se você estiver pronto a se comprometer a um deles agora, fique à vontade para deixar seu comentário e compartilhar seu objetivo pelos próximos 30 dias. Se houver interesse suficiente, então alvez a gente possa fazer uma avaliação daqui a 30 dias para ver como a gente se saiu. Eu posso fazer cmo vocês. O meu será correr ou andar de bicicleta por pelo menos 25 minutos ou fazer uma caminhada de no mínimo 60 minutos nas montanhas a cada dia pelos próximos 30 dias. O tempo aqui em Vegas tem sido ótimo ultimamente, e então esse é um ótimo momento para me exercitar fora de casa.

O ponto é muito válido. Na minha experiência de trabalho com indivíduos mas também com organizações, uma coisa que eu vejo sempre acontecendo é como as soluções temporárias se tornam definitivas, já que é necessário investir muita energia para uma nova transformação.

Assim, uma ótima forma de fazer um brain-hack é encarar o desafio adiante como algo temporário, como propõe Steve.

Concordo também com o Steve de que esse sistema é especialmente bom para hábitos diários. No caso da academia para musculação, o que funcionou de forma simples e sem falhas é o método do dinheiro na caixa.

Seiiti Arata é fundador da Arata Academy e autor do curso Como Aprender Mais Rápido. Está também focado no curso de enriquecimento A Classe Alta , no curso de carreira profissionalDuplique Seu Salário e no treinamento em empreendedorismo EmpreDig.

Anúncios
30 Dias para o Sucesso

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s