Que tal trocar a visita ao oftalmologista por um teste de visão online?

A startup Opternative oferece teste online para medir o grau dos seus óculos (Foto: Divulgação)

Fazer um teste online para descobrir o grau dos seus óculos e receber em casa a prescrição médica para encomendar as lentes. Parece prático? Pois saiba que esse serviço já está disponível desde o fim de julho nos Estados Unidos. À frente da proposta está a Opternative, uma startup nascida em Chicago.

O exame dura 25 minutos e requer um computador, um smartphone e conexão Wi-Fi. O usuário é orientado a se afastador do computador numa distância predeterminada, com o smartphone em mãos. A partir daí, ele deve fechar um olho, observar as imagens que aparecem na tela do computador e responder uma série de perguntas no smartphone (informando, por exemplo, se vê uma imagem nítida ou borrada). Em seguida, repete o teste com o outro olho. Os resultados são então encaminhados a um oftalmologista, que avalia a acuidade visual.

De acordo com a empresa, pesquisas mostram que o serviço online oferece resultados tão precisos quanto aqueles obtidos em uma consulta oftalmológica normal.

O teste é grátis, mas a prescrição é paga. São US$ 40 por uma prescrição para óculos ou lentes de contato. Se o cliente quiser prescrição para ambos, o serviço sai por US$ 60. Ou seja, além de ser prática, a opção conta com um preço competitivo, já que no mercado americano uma consulta costuma custar entre US$ 50 e US$ 100.

Mas o teste desenvolvido pela Opternative avalia apenas a acuidade visual – miopia, hipermetropia, astigmatismo e presbiopia. Isso significa que problemas como glaucoma, degeneração macular, catarata e doenças da retina passariam despercebidos nesse tipo de exame.

Trata-se de uma limitação bem relevante, já que muitas dessas doenças não apresentam sintomas e têm consequências graves, afirma Leôncio Queiroz Neto, presidente do Instituto Penido Burnier (hospital especializado em doenças dos olhos). “Sou fã de tudo que vem para facilitar nossa vida, mas preciso fazer um alerta sobre os riscos”, diz o oftalmologista. “O que me preocupa nesse tipo de proposta é que o paciente pode achar que fez um exame completo e, assim, perder a chance de diagnosticar um glaucoma, que pode leva-lo à cegueira”.

Segundo Queiroz Neto, muitas pessoas só procuram um especialista com mais de 40 anos, graças à famosa “vista cansada”. Chegam interessadas apenas em uma receita de óculos e, frequentemente, descobrem na consulta que têm outros problemas com os quais se preocupar, como diabetes e hipertensão. “Sabe aquela frase que diz que o olho é o espelho da alma? Ela reflete bem o que acontece na medicina. O olho é uma fonte fantástica de dados clínicos sobre várias doenças.”

Em seu site, nos termos de serviço, a Opternative informa que o exame é voltado a pessoas entre 18 e 40 anos, sem histórico de doenças como diabetes, catarata e glaucoma, e que o teste não substitui as consultas pessoais com um oftalmologista, que devem ser realizadas a cada dois anos.

Anúncios
Que tal trocar a visita ao oftalmologista por um teste de visão online?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s